Arquivo da Categoria: Medicina Dentária

Cirurgia Piezo-Eléctrica

A cirurgia óssea piezo-eléctrica surgiu para facilitar a prática clínica e melhorar o conforto trans e pós-cirúrgico do paciente. Está indicada nos casos de extrações dentárias (incluindo os dentes do siso), cirurgias de enxerto ósseo para a reconstrução dos tecidos perdidos, plastias ósseas, remoção e enucleação de quistos, implantes, e em outras técnicas específicas.

Cada vez mais a Medicina Dentária procura prevenir as doenças ou tratá-las da forma menos invasiva possível. Dentro desse contexto moderno, surge a cirurgia óssea piezo-eléctrica como uma alternativa interessante às cirurgias orais tradicionais – realizadas com instrumentos rotatórios (brocas) ou cortantes. Esse tipo de cirurgia emprega a vibração ultrassónica para promover as modificações necessárias em osso ou gengiva.
Continuar a lerCirurgia Piezo-Eléctrica

Cancro Oral

(Fonte: Ordem dos Médicos Dentistas)


1 – O QUE É O CANCRO ORAL?

O cancro oral é definido pela Classificação Internacional de Doenças pelo conjunto de tumores malignos que afectam qualquer localização da cavidade oral, dos lábios à garganta, (incluindo as amígdalas e a faringe).

A sua localização mais comum é no pavimento da boca (mucosa abaixo da língua), bordo lateral da língua e no palato mole.

Mais de 90% destes cancros são designados por carcinomas afectando o epitélio da mucosa oral. Os restantes correspondem a formas mais raras de tumores e incluem os linfomas, sarcomas, melanomas, etc.
Continuar a lerCancro Oral

Implantes Dentários

Os implantes surgiram nos anos 60, quando o ortopedista sueco Per-Ingvar Brånemark publicou uma série de estudos de investigação que testaram com sucesso a Osteointegração (…)

A aplicação deste princípio que mais sucesso teve em todo o mundo foi o Implante Dentário, que permitiu desde então a reabilitação oral de milhões de pessoas, atingindo resultados de conforto e qualidade de vida que até então não eram possíveis.

<< Mais… >>